Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MILIUMA

insónias | ideias | publicações

#148 aniversário, regresso e partida

 

No dia 30 de Dezembro de 2017 publiquei aqui que um dos meus desejos para 2018 seria escrever mais. Isso aconteceu, de facto. Não neste blogue, contudo. Este blogue, ou site, foi criado como ilustração das miliuma aventuras de que a minha vida é feita, sendo que algumas se resumem ao simples acto de sobrevivência diária, de existência neste complexo e opressor planeta. Por vezes, a existência supera-me a consciência e o tempo passa sem que o contabilize. Oh, como foi rápida esta minha demorada ausência. É o meu aniversário, posso ser dramática à vontade :)

 

Hoje completo trinta e três anos e decidi voltar a escrever aqui. Foi um ano de mudanças, rupturas e nascimentos: a escrita da minha primeira peça de teatro, os dois meses fora de Portugal, o repensar de um percurso. Hoje, num chalé numas montanhas do Quebec, a ver a mudança da folhagem do outono e a uma antipática diferença horária de Portugal, tomo consciência do ano impressionante que tive, no bom, no mau e no aventureiro e regozijo-me por todas as mudanças a que continuo, sem demasiado medo, a propôr-me. Este ano não vai ser, de todo, mais fácil, mas pode ser que seja ainda mais feliz. Mais frio, vai ser certamente, que para a semana começa a nevar por este lado. Entretanto, como prenda de aniversário minha para todos "aí em casa", aconselho três documentários:

 

 

Como prenda de todos para mim, apareçam no evento que estou a organizar para o fim de Novembro, em Lisboa, no qual vou vender 95% das minhas coisas - roupa, acessórios e afins - com open closets de outras figuras lisboetas mui apreciadas. Vá lá, menos preciosismos, não sei se são exactamente 95%, mas é quase tudo o que tenho de bens materiais, que a família e o namorado nem por uma pequena fortuna os alugo. Quem quiser jantar para celebrar estes trinta e três anos de perfeito disparate e despedir-se de mais uma portuguesa navegadora por mares atlânticos, será altamente bem-vindo! :)

 

- O quê? A Helena vai embora outra vez? Só novidades, eu sei. Stay tuned!

 

Photo 13-08-18, 20 59 50 (1).jpg

 Descoordenada e feliz na - caótica e bela - Cidade do México

 

 

#136 seis semanas (ou quanto tempo leva o esquecimento)

furacao irma miliuma cuba.jpg

 

Seis semanas foi quanto demorei a ter vontade de voltar a escrever.

 

Seis semanas de férias do blogue, seis semanas a arruinarem as estatísticas que as marcas me pedem para fecharem parcerias.

 

Seis semanas foram o suficiente para a frase passar de Como está o teu blogue para Tu não tinhas um blogue?

 

Em seis semanas filmei um anúncio, gravei uma série do princípio ao fim, fui ao teatro, visitei a minha família nas suas férias algarvias, fui nomeada para dois prémios de melhor atriz e visitei o Porto Santo pela primeira vez. Em seis semanas dormi horas a fio e apanhei consideravelmente pouco sol. Li pouco, comi muito e pensei muito longe do suficiente. Tirei, creio, algumas conclusões.