Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Miliuma

insónias | ideias | publicações

#18 olhe, por favor, posso ser mãe?

 

Ontem a minha mãe fez anos. Depois dos sessenta deixámos de contar.

 

 

Falámos do que é ser mãe e eu disse: não sei mãe, não sei se vai dar sem vocês lá para me safarem em emergências. Eu quero que seja bom, com o bom e mau, que seja bom. E não apenas difícil. Sim, filha - disse ela - sem apoio é muito difícil. E depois sugeriu que eu o deixasse uns dias ou umas semanas, em tom de brincadeira de avó que já quer roubar o neto imaginário para si.

 

O meu irmão mora em Inglaterra, não sei se os meus pais terão muita sorte.

 

Entretanto pensei que isto podia ser um post ao contrário, que desta vez escrevessem vocês. E se não houver respostas, eu percebo, afinal o blog só tem um mês, é um recém-nascido a abrir os olhos ao mundo.

 

Pergunto:

  1. conseguem que seja bom, mesmo sem pais ou sogros para vos ajudarem nos dias em que é preciso (ou querem mesmo muito) sair?
  2. há babysitters de confiança a preços razoáveis?
  3. há alternativas não familiares a deixar a criança num infantário?
  4. qual o cenário ideal, quando a família não está connosco?

 

Agora vou ali dar-lhe um beijo, que já se passaram 13 anos e a minha bela mãe está ali sofrer com a minha partida para Lisboa como se fosse a primeira.

 

 

6 comentários

comentar publicação